sexta-feira, 26 de março de 2010

Corpos nús.... (SR)

Autor: Sergio L M da Rocha


Dois corpos nús,
E uma enorme distância a separá-los.
Amor relâmpago,
Amor intenso,
Amor paixão.
A voz com tom sussurrante,
É ingrediente indispensável para incendiar os amantes que se encontram.
Assim, anulam o vazio que os separa fisicamente.
O desejo e a imaginação superam as dificuldades existentes.
Permitem que se amem, como se próximos estivessem.
Trocam juras de amor, frases íntimas, palavras desconcertantes.
Atitudes próprias de pessoas apaixonadas.
Os sentimentos dão a impressão que tudo é real.
Se arrepiam, se excitam, tocam seus corpos como se o outro o fizesse.
Se amam intensamente, ardorosamente, loucamente.
Na nudez de seus corpos, sentem suas peles a queimar, arder e encrespar de prazer.
O fazem tão intensamente e tão detalhadamente que os fazem atingir o céu.







(*) Sergio L M da Rocha é Administrador de empresas e consultor.

2 comentários:

Ilza Nascimento disse...

Lindo e inspirador. Uma perfeita declaração de amor. Dita suavemente, mas que a tudo pode mudar. Se quem a ouve aceita, se quem a diz sua alma, na mesma, colocar. Lindo, meu amigo querido! Parabéns!

Heloisa disse...

OI!! belissima poesia!!sedução..sensualidade..na dose dos amantes...!!!parabens !!
heloisa