quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Gente que lê...


Um casal sai de férias para um hotel-fazenda. O homem gosta de pescar e a mulher gosta de ler.

Uma manhã, o marido volta da pesca e resolve tirar uma soneca. Apesar de não conhecer bem o lago, a mulher decide pegar o barco do marido e ler no lago.

Ela navega um pouco, ancora, e continua lendo seu livro.

Neste momento chega um guardião do parque em seu barco, pára ao lado da mulher e fala:

- Bom dia, madame. O que está fazendo?

- Lendo um livro - responde

- A senhora está numa área restrita em que a pesca é proibida - informa.

- Sinto muito, tenente, mas não estou pescando, estou lendo.

- Sim, mas com todo o equipamento de pesca no barco, nada impede que a  senhora possa fazê-lo a qualquer momento. Se não sair daí imediatamente, terei de multá-la e processá-la.

- Se o senhor fizer isso, terei que acusá-lo de assédio sexual.

- Mas eu nem sequer a toquei! - diz o guardião.

- É verdade, mas o senhor tem todo o equipamento. Pelo que sei, pode começar a qualquer momento.

- Tenha um bom dia madame, diz ele, e vai embora.

MORAL DA HISTÓRIA:

NUNCA DISCUTA COM UMA PESSOA QUE LÊ.  CERTAMENTE ELA LHE SURPREENDERÁ !

3 comentários:

Emília disse...

Oi Sérgio, adorei o texto!!
Além de tudo , precisamos ser informados, politizados para poder argumentar, não é mesmo?
Os brasileiros precisam entender isso.
Beijos.
Emilinha

emília disse...

Menino sumido!!!
Estou esperando uma visitinha sua em meu blog, sabia?
Quando lhe sobrar um tempinho, pois sei que vive ocupado, certo???
Diga se gostou...Deixe um comentário,pois é muito importante pra mim.
Beijos e uma linda semana.
Emilinha

Ana Mendonça disse...

A leitura abre os horizontes, nos permite entender, argumentar,exercer nossos direitos,cumprir nossos deveres.... Nos dá segurança, fortalece a nossa auto-estima e o viver torna-se mais abrangente, participativo, criador. A vida fica mais positiva e útil.
Ana Maria